Notícias »

Atualizado em 22-06-2018 às 10:25:52

Programa de Regularização Fundiária beneficia 360 famílias procopenses

 


Ação faz parte do projeto Morar Legal Paraná, o maior programa de regularização de propriedades urbanas já promovido Governo do Estado

O Salão Dom Bosco, no centro de Cornélio Procópio recebeu representantes das 360 famílias que serão atendidas pela primeira etapa do Programa de Regularização Fundiária do município. Segundo o presidente da Cohapar – Companhia de Habitação do Paraná, Nelson Cordeiro Justus, o programa “Morar Bem” é considerado o maior projeto de regularização fundiária lançada pelo governo estadual em sua história. Ele destacou que a meta é garantir a titulação de 45 mil imóveis sem documentação em todo o Paraná até o final deste ano. “Aqui em Cornélio Procópio, vamos implantar este modelo de gestão, com a contratação de empresas especializadas via licitação, com subsídios do Governo do Estado para permitir que os custos do serviço para as famílias sejam até cinco vezes menores do que os praticados no mercado”, afirmou. O prefeito Amin Hannouche agradeceu a Cohapar e o governo do Paraná pela iniciativa. “A regularização imobiliária também reflete no aumento da receita tributária municipal com o incremento da arrecadação do IPTU e taxas pertinentes aos serviços urbanos ofertados. Tudo isto sem contar com o grande serviço social que estaremos prestando a estas famílias, ameaçadas de exclusão e de expulsão das suas casas”, disse Amin Hannouche. Para o Deputado Estadual Luiz Claudio Romanelli, o programa Morar Bem já havia sido planejado há um bom tempo pela Cohapar, que passou a dar mais prioridade ao setor nos últimos anos. “Os recursos do tesouro estadual liberados pelo então governador Beto Richa e mantidos pela atual governadora Cida Borghetti e os modelos de licitação montados pela Cohapar reduziram significativamente os custos da regularização, o que resultou na ampliação do atendimento à população e neste merecido reconhecimento”, concluiu. Em Cornélio Procópio, todo o levantamento das áreas de invasão e processo de cadastramento foi realizado pela vice-prefeita Angélica Olchaneski de Mello. O próximo passo do programa será a visita de técnicos que serão contratados pela Cohapar para realizar todo o levantamento das casas que foram construídas nas áreas de invasão para a formatação de um documento de posse destes lotes. Participaram da solenidade de assinatura do convênio de Regularização Fundiária representantes das 360 famílias beneficiadas com o programa, da representante do Deputado Federal Alex Canziani, Luiza Canziani, do ex-prefeito de Bandeirantes, Nilton de Sordi Junior, representante do Deputado Estadual Pedro Lupion, assessores, diretores e secretários da Prefeitura.

FONTE: Comunicação/Prefeitura



Envie seu comentário »

Copyright © 2012 Agita Cornélio (43) 9959-9951 / 9978-9817 - Direitos Reservados. - Desenvolvido por: AbusarWEB
Online: